Supermarket Shriek é lançado para PC, Switch e PS4

PQube e a Billy Goat Entertainment anunciaram nesta sexta-feira, 23, que Supermarket Shriek já está disponível para Nintendo SwitchPlayStation 4 e PC, via Steam. Junte-se à improvável dupla de homem e cabra nesta premiada aventura cooperativa de sofá! Enfrente percursos de obstáculos estranhos, complete desafios gratificantes e desvie de obstáculos mortais em uma corrida frenética para o caixa! O lançamento vem em uma frenética campanha cooperativa de 38 estágios e 3 modos de festa PvP divertidos para 2 a 4 jogadores (chegando a 8 jogadores no PC).

Sobre Supermarket Shriek

Uma experiência Couch Co-op como nenhuma outra

Impulsione nossos dois heróis em supermercados, lojas e boutiques usando seus gritos selvagens e incompreensíveis!

Homem grita: Kart vira à esquerda!
Gritos de cabra: Kart vira à direita!
Grite Juntos: Kart avança!

Use seus gatilhos de controle para fazer cada uma das duplas gritar – ou se você estiver no PS4 ou PC, você pode conectar dois microfones e “literalmente” gritar até a vitória no que chamamos de “Modo Dueto”.

Obstáculos estranhos e desafios recompensadores

Aqueça suas cordas vocais e prepare-se para uma variedade de modos de jogo cheios de ação! As 38 etapas de Supermarket Shriek incluem percursos de obstáculos bizarros, corridas intensas frente-a-frente e não esquecendo o modo-onde-você-derruba-as-latas-de-feijão.

Atrás de cada vitrine, espere um fluxo implacável de obstáculos bloqueando seu caminho para o caixa! Do mundano (correias transportadoras, derrames) ao absurdo (fogueiras, machados oscilantes, lutadores de sumô e muito mais!).

Multiplayer Mayhem no corredor 4

Corra pelo supermercado e seja o primeiro a marcar todos os itens da Lista de compras, domine a arena no confronto épico de homem, cabra e carrinho em Sumô e grite como se sua vida (ou mesmo alguns pontos) dependesse de em uma corrida frente a frente!

Álvaro Saluan

Doutorando em História e graduando em Ciências Sociais, é completamente apaixonado por videogames e escreve sobre há mais de três anos. Vê os jogos para além do entretenimento, considerando todo o processo como uma grande e diversificada arte.